5 dicas para um louvor cristocêntrico | Louvar é Bendizer

Louvar é Bendizer - 5 dicas para um louvor cristocêntrico
Portanto, louvar é lembrar-se de tudo que Deus é e fez por nós e agradecê-lo por isso. O louvor é a resposta natural de quem ama a Deus e o tem como Senhor exclusivo, alvo do nosso louvor, objeto de nossa mais pura adoração.

Ministério de Louvor centrado em Cristo

Um ministério de louvor deve ser centrado em Cristo, o serviço da musica nas igrejas é um serviço que requer vida em comunhão com o nosso Deus. Uma vida onde o próprio Deus seja o centro. Somente desta forma seremos capazes de sermos usados em sua totalidade pelo Espírito Santo de forma a fazer deste ministério um canal de benção que conduza os cristãos para perto de Cristo e seja exemplo de uma vida quedada aos pés do Senhor.

         E então? Como fazer um louvor cristocêntrico? Como investir no ministério de louvor centralizando a pessoa de Cristo?

Separamos cinco características de um louvor Cristocentrico:

1º) Louve ao Senhor bendizendo-o de todo o coração, pois bendizer a Cristo é elogiá-lo e colocá-lo como centro de seu apreço.

Assine o Blesss

Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e tudo o que há em mim bendiga o seu santo nome.” Salmo 103-1.

2º) Demonstre com suas palavras a adoração verdadeira que sai de um coração alegre em louvar ao Senhor.

“Louvarei grandemente ao Senhor com a minha boca; louvá-lo-ei entre a multidão.” Salmo 109-30.

3º) Quando louvamos a Deus estamos também adorando, e como verdadeiros cristãos devemos adorá-lo em espírito e verdade.

“Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem.” João 4-23

4º) Quando louvamos a Deus devemos centralizar a pessoa de Cristo, onde você seja encoberto pela pessoa de Jesus.

“É necessário que Ele cresça e eu diminua.” João 3:30

5º) Quando louvamos a Deus, com nossos lábios declaramos que o amamos levando outros a fazer o mesmo.

“Eu te amo, ó Senhor força minha. Por isto te louvarei entre as nações, ó Senhor, e cantarei louvores ao teu nome.”

Portanto, louvar é lembrar-se de tudo que Deus é e fez por nós e agradecê-lo por isso. O louvor é a resposta natural de quem ama a Deus e o tem como Senhor exclusivo, alvo do nosso louvor, objeto de nossa mais pura adoração.

Quais são suas experiências no ministério de louvor?

Deseja compartilhar conosco?

Uma “troca de ideias” seria ótima!


Texto por Kelley Gleidce, musicista, membro da Igreja Presbiteriana, onde também atua como professora na Escola Bíblica Dominical.

3 Comentários

  1. Acabei de ler o texto, link enviado de um amigo. O site visão cristã esta de parabéns com as postagens. Falem mais do louvor e da musica nas igrejas. Precisamos de pessoas sensatas para isto.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Comentários do Facebook