E se Deus for contra nós? – Augustus Nicodemus | Resenha Bookster MB

A página de literatura Bookster MB fez uma resenha incrível do livro "E Se Deus for contra nós?", do Rev. Augustus Nicodemus. Confira!

E se Deus for contra nós? Por que Deus permite o sofrimento?
E se Deus for contra nós? - Augustus Nicodemus - Editora Visão Cristã

Confira a resenha de “E Se Deus for contra nós?

O post de hoje traz um breve resumo sobre o livro “E se Deus for contra nós?”, do Rev. Augustus Nicodemus.

O livro foi organizado a partir de várias mensagens pregadas pelo Reverendo no congresso da VINACC, a Consciência Cristã em Campina Grande.

Assine o Blesss

De uma leitura simples e agradável, o livro é composto por 6 capítulos, num total de 149 páginas.

Às vezes Deus realmente está contra nós

O autor mostra aos leitores que nem sempre Deus está a nosso favor e que, às vezes, Deus realmente está contra nós. Entretanto, os textos nos trazem de mesmo modo a graça de Deus em restaurar, cuidar e estar com o seu povo.

O livro foca em temas muito interessantes como; o mundanismo que, cada vez mais tem sido parte do contexto dos cristãos, fazendo correlação com a carta de Tiago aos novos cristãos convertidos do Judaísmo.

O autor também traz como tema o julgamento de Deus sobre a cosmovisão mundana, ou seja como Deus enxerga essa onda de ” mundanismo”,

Por que Deus permite o sofrimento?

“Por que Deus permite o sofrimento?”, o capítulo mais interessante do livro,
onde Augustus fala sobre a permissão do sofrimento dos Cristãos, baseando-se em uma análise descritiva sobre o salmo 88.

Jesus: O caminho para a casa do Pai

Por fim, os últimos capítulos falam sobre o porquê do mundo precisar do evangelho e foca em Jesus como O CAMINHO PARA A CASA DO PAI.

Esse é um livro recomendado para todo cristão, no meu ver, principalmente para os jovens! O tipo de livro que desejei que todos os meus amigos lessem, recomendo!


Resenha por Bookster MB – Mikael & Beatriz

Siga o perfil no Instagram | Compre o livro aqui

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Comentários do Facebook