5 maneiras de honrar a Cristo em qualquer posição de trabalho | Ética no trabalho

As Escrituras são claras ao afirmar que devemos refletir Cristo em nosso dia a dia - e a maior parte de nosso dia passamos no trabalho.  Separamos cinco dicas pelas quais nós cristãos podemos nos diferenciar do mundo no local de trabalho:
As Escrituras são claras ao afirmar que devemos refletir Cristo em nosso dia a dia - e a maior parte de nosso dia passamos no trabalho.  Separamos cinco dicas pelas quais nós cristãos podemos nos diferenciar do mundo no local de trabalho:

Em uma cultura baseada no egoísmo, autopromoção e deslealdade, como os cristãos podem demonstrar um comportamento ético e honrar a Cristo, da mesa de escritório até a sala de diretoria?

As Escrituras nos ensinam a mantem um caráter íntegro e reto em nossa vida pessoal e profissional. Colossenses 3:23 afirma: “Tudo o que fizerem, façam de todo o coração, como para o Senhor, e não para os homens”.

Assine o Blesss

Esse ensinamento bíblico se aplica a qualquer profissão, desde negócios e marketing até enfermagem ou carpintaria. As Escrituras são claras ao afirmar que devemos refletir Cristo em nosso dia a dia – e a maior parte de nosso dia passamos no trabalho. 

Separamos cinco dicas pelas quais nós cristãos podemos nos diferenciar do mundo no local de trabalho:

1. Manter a integridade no local de trabalho

A Bíblia tem muito a dizer sobre a manutenção da integridade, e o local de trabalho é talvez um dos ambientes mais importantes para obedecer esse princípio. Provérbios 11:13 diz: Quem muito fala trai a confidência, mas quem merece confiança guarda o segredo”. Provérbios 16:3 diz: “Consagre ao Senhor tudo o que você faz, e os seus planos serão bem-sucedidos”.

Em seu livro The Millionaire Mind – Experiência de Sucesso, Thomas J. Stanley pediu a 733 milionários para classificar 30 fatores que levaram ao sucesso. O atributo número um identificado foi “ser honesto com todas as pessoas”. Em outras palavras, integridade não é apenas um mandato bíblico, é fundamental para ter sucesso no mundo dos negócios.

Demonstrar integridade no local de trabalho pode ser tão simples quanto abster-se de fofoca no local de trabalho, trabalhar com dedicação e entusiasmo e ser honesto com os colegas e superiores.

John Piper, fundador do Desiring God coloca desta forma: “Seja absolutamente e meticulosamente honesto e confiável no trabalho. Seja pontual. Dê um dia inteiro de trabalho. ‘Não roubarás.’ Mais pessoas roubam seus empregadores sendo preguiçosas do que roubando dinheiro em si”.

2. Trabalhando com excelência

Como crentes, somos chamados a ser embaixadores de Cristo e um reflexo daquele a quem servimos. Por causa disso, devemos lutar pela excelência em qualquer projeto que empreendermos, tornando-nos o melhor em nossas respectivas vocações. Cada um de nós recebeu dons de Deus, e “cada um exerça o dom que recebeu para servir aos outros administrando fielmente a graça de Deus em suas múltiplas formas” (1 Pedro 4:1). 

Como seguidores de Cristo, devemos nos destacar do mundo na maneira como realizamos nossos trabalhos: amando quando os outros odeiam; cumprindo fielmente tarefas desagradáveis; encontrando alegria em meio a desafios; demonstrando paciência diante da adversidade; e lutando pela excelência quando os outros se recusam.

Não importa qual seja o nosso papel, posição ou habilidades, cada um de nós pode fazer a diferença no local de trabalho realizando um trabalho de alta qualidade e glorificando a Deus.

Em seu livro Christians in the Workplace , o pastor Charles Stanley escreve: “Um dos maiores obstáculos à eficácia do Evangelho são os cristãos que agem de uma maneira na igreja e de outra maneira em outros lugares. A maneira como vivemos para Deus deve permear todas as áreas da vida. O local de trabalho não é exceção. A maneira como agimos reflete nossa fé. Então, se afirmamos ser cristãos, nossos colegas de trabalho, chefes e funcionários irão equiparar nossas atitudes e ações com Jesus. As pessoas ao seu redor no escritório vêem um reflexo positivo de Deus em sua ética de trabalho?”

3. Seja Honesto e Confiável

Tito 2:7-8 afirma: “Em tudo seja você mesmo um exemplo para eles, fazendo boas obras. Em seu ensino, mostre integridade e seriedade; use linguagem sadia, contra a qual nada se possa dizer, para que aqueles que se opõem a você fiquem envergonhados por não poderem falar mal de nós.”

O seguidor de Cristo deve demonstrar confiabilidade e honestidade quando solicitado a prestar um serviço. Deus é digno de confiança e somos chamados a ser portadores da imagem de Cristo e imitar o Seu caráter, por isso é vital que também nós sejamos dignos de confiança.

Números 23:19 diz: “Deus não é homem, para que minta; nem filho do homem, para que se arrependa; porventura diria ele, e não o faria? Ou falaria, e não o confirmaria?“. 1 Samuel 15:29 nos diz: “E também aquele que é a Força de Israel não mente nem se arrepende; porquanto não é um homem para que se arrependa“. Salmo 110:4 declara:” O Senhor jurou e não se arrependerá.

Vamos evitar dar desculpas no local de trabalho, nos esforçando para ganhar uma reputação de alguém em que se pode confiar, que é honesto e entrega o que promete.

4. Tratar os outros com respeito

Uma das melhores maneiras de honrar a Deus no trabalho é tratar os outros com respeito, falando palavras de graça a todos os que estão à nossa volta: Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graça aos que a ouvem. – Efésios 4:29

O pastor Stanley escreve: “Pense em como a regra de ouro – ‘Não faça os outros como você gostaria que os outros fizessem a você’ – se aplica aqui. Colocando de outra maneira, imagine-se sendo o chefe e se pergunte: “Como gostaria que meus funcionários trabalhassem, mesmo quando eu não estou observando?”

Mesmo quando empregos ou colegas de trabalho são difíceis de gostar, somos chamados a trabalhar como se Deus fosse nosso chefe. Isso significa fazer tarefas com alegria, uma atitude de servo, respeito pelos outros, diligência e obediência àqueles ocupam posição de autoridade.

Devemos ser educados, respeitosos, graciosos e atenciosos com aqueles que nos rodeiam, evitando fofocas irracionais e conflitos desnecessários. Provérbios 15:1 nos diz: “A resposta calma desvia a fúria, mas a palavra ríspida desperta a ira”. 

5. Trabalhando como o Senhor

Finalmente, devemos nos lembrar de que não respondemos a um patrão terreno, mas a um celestial. Adotar essa mentalidade nos permite conduzir nosso trabalho com humildade, alegria, excelência e humilde dependência de Deus. O Salmo 127:1 diz: “Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela.” – Salmos 127:1. 

Stanley escreve: “Vamos analisar um modelo bíblico para o crente seguir. Em primeiro lugar, devemos nos enxergar como servos. Depois, nosso verdadeiro chefe é Cristo; portanto, trabalhamos com diligência e integridade, sabendo que nossa recompensa é dEle. Logo, já que toda a autoridade na terra é dada por Deus (João 19:11), devemos obedecer aos nossos superiores de bom grado, a menos, é claro, que nosso chefe nos diga para fazer algo que vai contra as Escrituras. E, finalmente, todos aqueles com quem e para quem trabalhamos são preciosos diante do Criador, e devemos tratá-los com respeito”.

Como cristãos, temos a oportunidade de nos comportarmos diferentemente no local de trabalho, nos diferenciando como filhos de Deus. Com a ajuda de Deus, trabalhemos com diligência, sirvamos com humildade e lutemos pela excelência em qualquer trabalho para o qual Deus nos tenha chamado.


Texto de Leah Marianne Klett, da Liberty University, publicado originalmente em The Christian Post – adaptado. 

Tradução por Luciana Petersen.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Comentários do Facebook